Páginas

quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

Nova York quer cobrar taxa pelo download de conteúdo on-line

Foto: Divulgação

Cobrança por download de conteúdo on-line já está sendo chamada de 'taxa do iPod'

O governador de Nova York, David Paterson, considera a cobrança de taxas pelo download de conteúdo on-line, em um pacote de medidas anunciadas para cobrir um déficit de US$ 15,4 bilhões. De acordo com a proposta, já apelidada de “taxa do iPod”, o governo reteria uma quantia referente ao “serviço de entretenimento entregue digitalmente” sempre que alguém baixasse conteúdo, diz o site de notícias “Cnet”.

Entre os serviços afetados pela medida estariam o iTunes, da Apple, e os livros eletrônicos baixados via Amazon para o equipamento Kindle.

“Se essa proposta for aprovada, o preço de conteúdo digital em Nova York certamente vai aumentar”, continuou o site. O pacote de medidas prevê muitas outras taxas, como aquelas para eventos esportivos, ingressos de cinema, táxis, massagens, cigarros e TV via satélite. A aprovação depende do poder legislativo.

Segundo o jornal “New York Daily News”, o governador disse nesta terça-feira (16), depois de divulgar a proposta, que será necessário tomar “medidas extremas” para cobrir o déficit. Ainda não há detalhes sobre o valor da “taxa do iPod” ou como seria feito o controle para a cobrança.

0 comentários: