Páginas

sexta-feira, 3 de agosto de 2012

Duas a cada 5 chamadas para celular em SP são feitas com o nono dígito


Houve uma grande preocupação em torno de uma possível dificuldade dos consumidores paulistas a realizarem ligações para telefones celulares depois da adoção do nono dígito aos números de celular. No entanto, de acordo com a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), a adaptação ao novo sistema de chamadas está sendo até melhor do que o esperado. A companhia revelou que 40% das ligações já estão sendo feitas de maneira correta.
Anatel está gostando da adaptação paulista ao nono dígito (Foto: Reprodução)Anatel está gostando da adaptação paulista ao
nono dígito (Foto: Reprodução)
De acordo com João Rezende, presidente da Anatel, o trabalho foi muito bem feito pelas empresas em São Paulo, comunicando os usuários sobre estas mudanças. Segundo ele, este é um indício de que a possível adição do nono dígito aos números de todo o país pode acontecer em breve. Obviamente, a avaliação do processo ainda está no início, porém o primeiro passo foi com o pé direito.
“Consideramos que é um pênalti e estamos quase fazendo o gol”, avaliou Rezende.
O presidente confirmou ainda que a atualização do HLR, equipamento que armazena os números de cada usuário, ocorreu sem problemas. De acordo com o gerente de interconexão da agência, Adeílson Nascimento, houve uma ou outra instabilidade, mas nada que fugisse do plano. Para ele, a adaptação da população paulista é ótimo e a previsão, agora, é de que em 70 dias, 100% das chamadas já aconteçam seguindo a nova numeração.

0 comentários: