Páginas

sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

Vai dar medo! 13 fobias estranhas que você nem sabia que existiam

É normal, inclusive saudável, que de vez em quando você sinta medo de algumas coisas. É por meio dele, do medo, que às vezes deixamos de nos colocar em situações de grande risco, por exemplo. Por outro lado, alguns medos se formam em nossa mente, por questões de trauma ou não, de modo que vamos adquirindo um verdadeiro pavor de determinadas coisas ou situações. A esse pavor excessivo que sentimos em decorrência do medo damos o nome de “fobia” – conheça algumas a seguir:

1 – Ablutofobia

É o medo extremo de tomar banho – sim, isso existe. Pessoas que têm esse tipo de fobia, obviamente, chegam a passar longos períodos sem lavar o corpitcho e, quando precisam ir para o chuveiro, têm crises de ansiedade e muitas vezes passam mal.

2 – Aritmofobia

Muita gente vai dizer que se identifica com a aritmofobia, que nada mais é do que a fobia de números e de matemática, de um modo geral, mas a verdade é que quem REALMENTE tem aritmofobia sofre muito com isso. O medo que se sente é dos números, propriamente ditos – algumas pessoas têm medo de números específicos, como o 13 e o 4.

3 – Cromofobia

É o medo excessivo que algumas pessoas sentem das cores. Nesse caso, existem também os medos de cores específicas, como a leucofobia, que é o medo excessivo da cor branca.

4 – Turofobia

Para a maioria das pessoas, queijo é um ingrediente bastante interessante, mas, para outras, é um alerta de perigo. A turofobia nada mais é que o medo excessivo de queijo. Quando estão perto da iguaria, as pessoas que têm essa fobia chegam a apresentar crises de ansiedade.

5 – Hipopotomonstrosesquipedaliofobia

Às vezes a vida é realmente uma piada. Tá vendo essa palavra acima, essa mesma que você nem consegue pronunciar e que eu tive que copiar e colar aqui no texto para evitar erros? Pois é: a hipopotomonstrosesquipedaliofobia nada mais é do que a fobia de palavras longas demais.

6 – Pogonofobia

É o medo excessivo que algumas pessoas têm de barbas e pelos corporais de modo geral. Em alguns casos, o medo pode se estender e a pessoa passa a ter fobia até de pelos de animais.

7 – Espectrofobia

Quem tem essa fobia específica teme algo visto como normal pela maioria das pessoas: olhar o próprio reflexo no espelho. A explicação para essa fobia tem raízes realmente remotas, já que ela tem relação com a crença antiga de que reflexos tinham a ver com misticismo e superstições.

8 – Nomofobia

Eis uma condição moderna e que tende a atingir cada vez mais pessoas: o medo excessivo de ficar sem o celular, sem sinal, sem 3G ou sem bateria no aparelho.

9 – Globofobia

É o medo excessivo de balões de festa. Na verdade, a fobia pouco tem a ver com o balão propriamente dito, mas sim com o barulho que ele provoca ao estourar.

10 – Antofobia

É a fobia que algumas pessoas têm de flores. Dependendo do caso, o indivíduo pode ter medo de flores específicas ou de características das flores.

11 – Siderofobia

Há quem goste de olhar para um céu estrelado e contemplar as pontinhas brilhantes que nos acompanham lá de cima. Por outro lado, há quem tenha verdadeiro pavor de olhar para estrelas – são pessoas que sofrem de siderofobia, que nada mais é do que o medo das estrelas.

12 – Aulofobia

Pessoas com aulofobia têm um medo bastante curioso, e nada as assusta mais do que o som ou a imagem de uma flauta. Por mais bizarro que pareça, há registros de aulofobia na Grécia Antiga, quando Hipócrates descreveu a reação de horror de um homem ao ouvir a primeira nota tocada por um flautista durante um jantar.

13 – Catisofobia

É o medo excessivo de sentar-se. Não, você não leu errado: algumas pessoas têm medo, muito medo, de sentar.

0 comentários: