Páginas

segunda-feira, 25 de abril de 2016

Fapesp vai dar R$ 10 milhões para pesquisas sobre cidades inteligentes

A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) e a Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) prorrogaram até 23 de maio o prazo da chamada de propostas de pesquisas que levem ao desenvolvimento de produtos, processos e serviços inovadores voltados ao aprimoramento da vida nas cidades.
Dirigida a startups paulistas, a iniciativa disponibilizará até R$ 10 milhões para projetos que visem ao aperfeiçoamento de tecnologias e a produtos para aplicações em cidades, com potencial de torná-las mais inteligentes, sustentáveis e humanas. Os recursos, não reembolsáveis, serão divididos igualmente entre as entidades de fomento.
Para orientar e fornecer informações que ajudem na formulação de projetos, que poderão ser desenvolvidos em até 24 meses em qualquer cidade do Estado de São Paulo, Fapesp e Finep promovem no dia 29 de abril, às 18h00, no Teatro IMA Cultural, em Campinas, uma reunião de esclarecimento sobre a chamada e os projetos.
O encontro servirá para tirar dúvidas de representantes de empresas interessadas em apresentar projetos com potencial de alcançar resultados inovadores.
O evento acontece em decorrência de um acordo de cooperação entre Fapesp e IMA para promover projetos cooperativos de pesquisa que levem principalmente ao desenvolvimento de novas tecnologias, sistemas, softwares e aplicativos que ajudem a pensar uma nova configuração para áreas urbanas, incluindo a operação de serviços públicos em áreas como saúde, educação, mobilidade, gestão, segurança pública, tecnologia da informação e comunicação, entre outras.

0 comentários: